domingo, 21 de fevereiro de 2010

IDOSO TERÁ DIEREITO A PASSAGEM DE GRAÇA

Somente pessoas com renda máxima de dois salários mínimos têm direito. Empresas que não cumprirem a lei podem pagar multa de R$ 3,435 mil.

O Supremo Tribunal Federal assegura que idosos, a partir de 60 anos e com renda igual ou menor a dois salários mínimos, vão poder viajar de graça de um estado para outro. Por lei, eles têm dois assentos garantidos nos veículos. Se os lugares já estiverem ocupados, os idosos têm direito a pagar metade do valor da passagem, desde que façam a reserva com antecedência. A empresa que não cumprir a lei pode pagar multa de R$ 3,435 mil. Para ser beneficiado, é preciso apresentar um documento com foto e comprovante de renda, que pode ser o extrato da aposentadoria, contracheque ou carteira de trabalho. Apesar de serem obrigadas, nem todas as empresas fornecem as passagens gratuitamente. Em São Paulo, idosos que deveriam ser beneficiados reclamam que só conseguiram viajar porque pagaram pelos bilhetes. Segundo o coordenador da fiscalização, Daniel de Castro, o idoso pode chamar os fiscais da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT).

Nenhum comentário:

Postar um comentário