segunda-feira, 8 de novembro de 2010

Religioso é acusado de roubar para pagar dívidas de pornografia nos EUA


Keith LeBlanc renunciou após seis anos como pastor, segundo reportagem.
Ele admitiu ser viciado em pornografia e está em um centro de recuperação.

 Um padre de uma igreja dos EUA está sendo acusado de ter roubado mais de US$ 83 mil e usar para pagar uma dívida de US$ 25 mil de gastos com pornografia online no cartão de crédito, informou nesta segunda-feira (8) uma reportagem CBS Boston.
Keith LeBlanc renunciou após seis anos como pastor da Igreja São João Batista, católica, e foi processado na semana passada por roubo e fraude. Segundo um boletim da polícia, LeBlanc tinha um cartão de crédito que usava para pornografia na internet e assumiu que precisava de ajuda por ser 'viciado em pornografia'. Ele estaria agora em um centro de recuperação na Pensilvânia para padres com problemas de comportamento.
Segundo a reportagem, o diretor de comunicação da arquidiocese de Boston disse que não poderia comentar o assunto e que rezaria para o padre e para 'todos os envolvidos no caso'.

Fonte: G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário