terça-feira, 22 de março de 2011

Concurso dos Correios: Dessa vez a coisa é pra valer


Depois de muitas dúvidas sobre a realização do concurso público ainda este semestre, a Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos (ECT) divulgou a contratação do Centro de Seleção e de Promoção de Eventos da Universidade de Brasília (Cespe/UnB) para a realização da nova seleção. O número de vagas aumentou para 9.190, ou seja, são 2.625 vagas a mais que as oferecidas pelo último edital, lançado em dezembro de 2009. As novas vagas estão distribuídas assim: 5.060 carteiros, 2.272 atendentes, 1.014 operadores de triagem e transbordo, 796 analistas de correios (correspondente a nível superior) e 48 profissionais de medicina e segurança do trabalho. Os salários devem variar entre R$ 706,48 (agente de correios - nível médio) a R$ 3.431,06 (cargos para nível superior). A aplicação das provas está prevista para maio. Segundo a assessoria de comunicação do Cespe, o edital e novas informações sobre a realização do concurso devem ser divulgados essa semana.
Concorrência - O aumento da quantidade de vagas pode significar a redução da concorrência, segundo o especialista em concursos públicos Waldir Santos. Para ele, os candidatos devem investir no concurso, mas não é apenas o nível de complexidade da prova que determina a aprovação do candidato, e por isso, também é importante avaliar as vantagens de participar de um concurso que possivelmente terá a concorrência reduzida. “Muita gente bem preparada e pronta vai desistir”, acredita Santos.
O último edital, que foi suspenso no ano passado, foi o concurso com maior número de inscritos – mais de um milhão – em 2010, em todo o País. Santos acredita que esse recorde não deve se repetido este ano. “Já recebi diversos e-mails de candidatos que desistiram de participar do concurso por conta dos problemas no edital anterior”, relata o especialista.

Fonte: edelsonfreitas.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário